Curso de Saúde Pública da Unicamp forma nova turma de sanitaristas para o Brasil

Enviado por Camila Delmondes em ter, 13/04/2021 - 11:48

Na última quarta-feira, 31 de março, aconteceu a solenidade virtual de conclusão do Curso de Especialização em Saúde Pública (CESP) da Unicamp, com a formatura de 57 novos sanitaristas para o Brasil. Na ocasião, o presidente do Conselho Nacional de Saúde, Fernando Pigatto, ministrou a conferência "O SUS: antes, durante e após a pandemia por Covid-19".

“Nosso Sistema Único de Saúde sempre foi testado, inclusive, desde antes de nascer, quando tentavam impedir a sua criação sob o argumento de que ele não funcionaria. Temos visto ataques contra o SUS, cada vez mais ferozes. Mas, é o SUS que tem contribuído para o enfrentamento da pandemia no Brasil. Não fosse por ele, estaríamos em uma condição muito pior nesse cenário que já é terrível, com mais de 340 mil vidas perdidas e milhões de infectados”, disse Pigatto em sua fala de abertura.

Também participaram da mesa de honra do evento, a chefe do Departamento de Saúde Coletiva e o diretor da Faculade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp, respectivamente, Rosana Onocko e Luiz Carlos Zeferino; a diretora do Departamento Regional de Saúde - DRS VII Campinas, Mirella Povinelli; a coordenadora da Secretaria Executiva da Rede Brasileira de Escolas de Saúde Pública, Rosa Maria Pinheiro Souza; e a representante do Conselho de Secretários Municipais de Saúde do Estado de São Paulo, Lucimeire Cristina Coelho Rocha.

O CESP Unicamp é fruto do convênio firmado entre a Escola Nacional de Saúde Pública Sérgio Arouca, a Fundação Oswaldo Cruz, e a Secretaria de Gestão do Trabalho e Educação na Saúde do Ministério da Saúde, e tem como objetivo geral, expandir a formação de sanitaristas no Brasil, contribuindo para a qualificação das práticas profissionais e organização do trabalho nas instituições de saúde, em consonância com os princípios e diretrizes do SUS.

“Foi um trabalho considerável transformar um curso presencial para a modalidade de ensino remoto, mas posso dizer que tivemos vários ganhos nesse processo, como a possibilidade de formar um acervo riquíssimo de aulas gravadas de diversos temas, com a participação de professores e especialistas de referência nacional e internacional em suas áreas de atuação”, disse o professor do Departamento de Saúde Coletiva da FCM, coordenador do CESP Unicamp, Edison Bueno.

Assista o evento na íntegra