Departamento de Neurologia

Histórico

Universidade Estadual de Campinas teve seu início marcado pela instalação da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) com a aula inaugural em 20 maio de 1963. Em 1966, uma Comissão, coordenada pelo professor Zeferino Vaz, integrada pelos professores Paulo Romeo e Antonio Augusto de Almeida, organizou o concurso para provimento do cargo de professor de Neurologia.
Inscreveram-se no concurso os docentes da Universidade de São Paulo, Oswaldo Freitas Julião e José Antonio Levy. A banca examinadora pronunciou-se pelo primeiro nome. Oswaldo Freitas Julião, livre-docente da Clínica Neurológica da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), desde 1945, com estágios nos EUA e Europa, inaugurou o Departamento de Neurologia (DN), em março de 1966, com a aula “Etiologias das doenças neurológicas”.
Julião, neurologista por excelência, deixou o tradicional universo uspiano para ser pioneiro, entre outros, na FCM e Universidade nascentes, com todas as dificuldades e vicissitudes desta condição. Na publicação In memoriam, de 1973, J. C. Ribas o descreveu “cordial e benevolente, modesto e discreto”... “com pequenos olhos cintilantes e perspicazes, os gestos comedidos e exatos, a atitude receptiva e, ao mesmo tempo, hermética, parecia estar realizando um exame neurológico”. O quanto o professor era consciente de sua condição de “boa semente” e o quanto acreditava na “terra fértil da Unicamp”, podemos apenas conjeturar. Entretanto, a julgar pelos frutos do Departamento, ao longo dos 40 anos, sua perspicácia foi comprovada. Funcionários, médicos colaboradores voluntários, novos docentes e alunos contribuíram para essa continuidade. Uns chegaram e ficaram, outros partiram após breve estada, alguns dedicaram muito de suas vidas; todos deixaram marcas e fizeram a história do Departamento.
Com três disciplinas consolidadas, Neurologia (início 1966), Neurocirurgia (início 1969), Neurologia Infantil (início 1977), o DN tem recebido, reiteradamente, boa qualificação por parte dos alunos. Os cursos de Residência Médica, Aprimoramento e Especialização têm qualificado profissionais de excelente nível, atuando no serviço público e privado. A Pós-graduação em Neurologia, com alto nível de desempenho, recomendado pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes), conceito 5, tem contribuído para qualificação de docentes internos e externos à Unicamp, em harmonia com metas de difusão, reprodução e geração de conhecimentos, decisivas no resgate da cidadania nacional e no posicionamento global do país.

 

Secretaria do Departamento de Neurologia

Fone: (19) 35217489 / FAX (19) 35217483