Pesquisa da FCM é premiada no maior congresso de trauma ortopédico da América Latina

Enviado por Camila Delmondes em ter, 10/07/2018 - 10:48

A pesquisa “Influência do tipo de fixação (lateral vs. cruzados) e do tempo para a fixação sobre os critérios de Flynn nas fraturas supracondilianas do úmero na criança”, desenvolvida na Faculdade de Ciências Médicas (FCM) da Unicamp, recebeu o prêmio de “Melhor Apresentação Oral” durante o XXIV Congresso Brasileiro de Trauma Ortopédico (CBTO 2018), realizado em Belo Horizonte, no mês de maio, com a participação de mais de 1.200 profissionais e quatro convidados internacionais.

Considerado o maior evento científico da América Latina, na área de trauma ortopédico, o CBTO 2018 é organizado pela Sociedade Brasileira do Trauma Ortopédico (SBTO) e, anualmente, premia os melhores trabalhos apresentados por médicos-residentes.

A pesquisa foi orientada pelo ortopedista William Dias Belangero – docente do Departamento de Ortopedia e Traumatologia –, e teve como autores a engenheira elétrica e aluna do 6º ano do curso de Medicina, Angela Yuka Katayama, o médico-residente em Ortopedia e Traumatologia, Henrique Matias Santarosa, e o ortopedista e atual médico-residente em Cirurgia da Mão e Microcirurgia, Lucas Moratelli.

Com a premiação, o apresentador do trabalho no congresso, Lucas Moratelli, foi contemplado com a oportunidade de realizar, em Chicago, nos EUA, o treinamento “Zimmer Biomet's National Residents Course", com foco em artroplastia de quadril, joelho e ombro, bem como trauma, biologia e medicina esportiva. Veja o certificado da apresentação.

Durante o CBTO 2018, um segundo trabalho desenvolvido na FCM foi apresentado na sessão de pôster. Intitulado “Identificação dos fatores de risco para infecção pós-operatória nas fraturas da diáfise da tíbia em adultos”, também foi orientado pelo professor William Belangero e, além de Lucas, também teve como autor, o estudante do 5º ano de Medicina da FCM, Renan Massao Nakamura. Veja o certificado da apresentação.